É o Tchan e Mateus Fernandes agitam MF Beach, hoje na Casa das Dunas.

É HOJE MOÇADA!!! TODOS no MF BEACH com É o Tchan do Brasil & Mateus Fernandes

Todos os ingressos em 02 X nos cartões em todos os pontos de venda.
PLANTÃO DE VENDAS – HOJE ATÉ ÀS 20h na Casa das Dunas – Litorânea.

Astro de Ogum inicia corpo a corpo em São Luís com almoço na zona rural

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum (PR), deu inicio nesta quinta-feira (12), um dia após o inicio do recesso parlamentar relativo aos trabalhos do primeiro semestre deste ano, a uma incursão nas comunidades da capital maranhense. Trata-se da abertura de uma série de atos políticos que visam consolidar as pré-candidaturas de seus apoiadores na cidade.


Assessores e lideranças comunitárias acompanharam o chefe do legislativo, que começou o seu corpo a corpo, com um almoço na casa de Mariana Rodrigues, uma importante liderança do bairro Calebe, na zona rural de São Luís.

Astro explicou que vai percorrer as comunidades para começar a construir, junto à sociedade, solicitações de ações que serão apresentadas aos pré-candidatos no período da campanha eleitoral, para contemplar planos de governo ou propostas de campanha.

“Gostaria de agradecer as minhas amigas Mariana e Renata, que me convidaram para um almoço aqui na comunidade do Calebe. Esse convite já havia sido feito desde o início do ano, mas esperei a chegada do recesso parlamentar relativo aos trabalhos do primeiro semestre deste ano, para poder cumprir essa de muitas outras agendas”, declarou.


Considerado um dos líderes políticos da capital, Astro de Ogum vem sendo bastante assediado por populares. Na zona rural não foi diferente. Quando o parlamentar chegou ao local de compromisso, foi tietado por jovens, crianças e moradores da comunidade. Em todas as ocasiões, Astro foi cercado para tirar fotos e ouviu elogios por sua gestão na Câmara de São Luís.

Mariana Rodrigues, secretária de finanças da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar-Fetraf/MA, que mora na comunidade Cabele, destacou a visita do Astro e falou que o parlamentar é um dos mais presentes na zona rural, sempre lutando para resolver as dificuldades que os moradores da região têm enfrentado.

“Já tem uns três anos que conheço o Astro [de Ogum], mas já o conhecia de nome pelas ações dele na zona rural. Sempre que termina uma campanha, os políticos somem, mas o vereador Astro é um dos mais presentes na zona rural, sempre lutando para resolver as dificuldades que os moradores da região têm enfrentado”, declarou.

Para o agricultor Antônio Carlos Gamboa, a visita do presidente da Câmara foi de grande importância para discutir várias demandas em favor da agricultura familiar na capital e serviu para fortalecer ainda mais as políticas públicas que foram tratadas.

“O vereador Astro é um dos mais presentes nas comunidades da zona rural. O encontro de hoje serviu só para reforçar mais ainda o que todos nós já sabemos. Eu o conheci recentemente, mas minha mãe sempre o apoiou. Não tenho nada do que reclamar, quero apenas agradecê-lo pelo apoio aos agricultores e à zona rural”, disse.

Depois do almoço, Astro se reuniu com alguns moradores e seguiu para outros compromissos na capital maranhense. Além do Calebe, o chefe do legislativo também visitará outras comunidades, antes da retomada das atividades parlamentares no próximo dia 2 de agosto.

Othelino Neto prestigia posse de novos secretários municipais de São Luís

Ao lado prefeito de São Luís, Edivaldo Jr, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB), acompanhado do deputado Zé Inácio (PT) e de outras autoridades, prestigiou, na tarde desta quinta-feira (12), no Palácio La Ravardière, a posse dos novos secretários municipais de Articulação Política, Ivaldo Rodrigues, e de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), Nonato Chocolate.

Othelino Neto disse que os secretários empossados darão uma importante contribuição à administração de São Luís pela qualificação que possuem. “Ivaldo Rodrigues desempenhou um excelente trabalho à frente da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento e, agora, na pasta da Articulação Política, contribuirá ainda mais. O mesmo digo do secretário Nonato Chocolate, também um gestor qualificado para a função que acaba de assumir”, salientou.

O deputado Zé Inácio frisou que a indicação de Ivaldo Rodrigues para o cargo de secretário de Articulação Política é uma medida acertada do prefeito Edivaldo Holanda por se tratar de um profissional capacitado. “E que tem um trânsito muito bom na classe política, não só entre seus pares. Já Nonato Chocolate é um técnico compromissado, sério e engajado”, salientou Zé Inácio.

Reconhecimento

Edivaldo Holanda enfatizou o trabalho realizado pela Câmara de Vereadores em prol de São Luís, aprovando projetos importantes para a Capital, e destacou o desempenho de Ivaldo na Semapa. “Agradeço a Ivaldo Rodrigues pelo trabalho que ele realizou à frente da Semapa. Trabalho este que o professor Nonato Chocolate tem a missão de continuar. Agora, Ivaldo dará sua contribuição na articulação política de nosso governo. Ambos terão todo o meu apoio”, frisou.

Nonato Chocolate afirmou que a Semapa estará de portas sempre abertas para a população de São Luís e que dará continuidade ao trabalho executado por Ivaldo Rodrigues. “Agradecemos a confiança do prefeito Edivaldo e asseguramos que contribuiremos e colaboraremos muito mais com sua gestão”.

Ivaldo Rodrigues agradeceu ao prefeito Edivaldo Holanda pelo apoio que sempre recebeu e por ter sido escolhido para a nova missão. “Entrego, neste momento, o relatório das ações desenvolvidas durante a minha gestão na Semapa, que comprovam o crescimento de mais de 102% nos setores de Agricultura, Pesca e Abastecimento de São Luís. Estou à disposição do prefeito Edivaldo para servir à população na gestão política da administração municipal”, disse Ivaldo Rodrigues.

Também participaram da solenidade o deputado federal e presidente estadual do PDT no Maranhão, Weverton Rocha; o vice-prefeito de São Luís, Júlio Pinheiro (PCdoB); o presidente da Câmara de Vereadores de São Luís, Osmar Filho (PDT); o ex-deputado estadual Rubens Pereira; o ex-secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima), Márcio Honaiser, e vários secretários e vereadores de São Luís.

Dicas de como deixar de comer muito

Comer muito é um problema que surge muitas vezes. Mas as pessoas que sofrem dele não têm consciência ou então tentam esconder esse problema. Comer em excesso está a provocar cada vez mais pessoas obesas o que leva a graves problemas de saúde, por isso confira as dicas de como deixar de comer muito.

  1.  Fracione a refeição ao longo do dia
    Não espere sentir fome para se alimentar. Você deve comer, no mínimo, de cinco a seis vezes ao dia. Isso faz com que você se mantenha satisfeito durante todo o dia e evita aquela vontade súbita de comer no meio da tarde.
  2. Tome bastante líquido
    Muitas vezes a sensação de sede é confundida com a de fome. Quando o seu corpo está desidratado, ele avisa o cérebro, que pode se manifestar como se você precisasse comer algo, em vez de dizer que é preciso beber água. Por isso, a recomendação é ingerir em torno de 30 ml por kg de peso ao dia. Distribua essa quantidade durante as 24 horas.
  3. Aposte nas fibras
    É importante, também, ingerir de 20g a 25g de fibras diárias, dentre solúveis e insolúveis. Elas têm o efeito de satisfazer por mais tempo, fazendo com que você não tenha fome a qualquer momento. As fibras estão presentes em frutas, legumes, verduras e alguns farelos.
  4.  Evite alimentos de alto índice glicêmico
    Eles são capazes de elevar a insulina rapidamente, o que provoca sensação de fome pouco tempo depois que você se alimentou. Dentre os alimentos de alto índice glicêmico estão os carboidratos refinados, o açúcar, o pão branco e os biscoitos.
  5.  Evite comer rápido
    Enquanto você come o corpo demora cerca de 20 minutos para avisar o cérebro que está satisfeito. Por isso, para que o organismo consiga sinalizar que está saciado você deve comer devagar, mastigando lentamente.
  6. Evite o fast food
    Os alimentos com alta densidade calórica, muitas vezes, não matam a fome, além de possuírem calorias demais. Mais: os fast food costumam ter alimentos tamanho família, o que não é nada bom para quem quer manter uma dieta saudável. Se você tem grandes porções de comida bem na sua frente, é provável que comerá mais do que é necessário. Sempre opte pelas porções menores.

São apenas dicas que você pode seguir, mas se não lhe ajudar, procure um especialista.

Presidente da Assembleia recebe comitiva de professores de Grajaú

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB), recebeu, no início da tarde desta quarta-feira (11), uma comitiva de professores do município de Grajaú, em greve há mais de 40 dias. Acompanhado do procurador-geral da Casa, Tarcísio Araújo, e da diretora de Documentos e Registros, Simone Limeira, ele ouviu atentamente as reivindicações dos docentes, durante reunião na sala da Presidência.

Othelino Neto informou que os professores resolveram procurar a Assembleia porque, efetivamente, trata-se de uma grave situação que já ocasionou até mesmo ação judicial, em tramitação no Fórum de Grajaú. Ele manifestou-se solidário à causa dos professores e recomendou que o procurador-geral da Casa mantenha contatos com o Ministério Público e o Poder Judiciário, no sentido de encontrar uma solução. “Os professores podem contar com nossa solidariedade, porque esta situação precisa ser resolvida com urgência, para não causar impacto ainda maior ao ano eletivo”, afirmou.

O presidente do Sindicato dos Professores de Grajaú, Edivaldo Pereira da Silva, explicou que a categoria, após insistentes apelos feitos ao prefeito do município, Mercial Arruda, resolveu deflagrar greve para reivindicar repasse do reajuste inflacionário dado pelo Governo Federal, de 6,81%, por meio do FUNDEB.

Edivaldo Pereira da Silva disse que quase todas as escolas estão fechadas e os professores, parados, porque suas reivindicações não são atendidas pela Prefeitura. “Viemos buscar o apoio desta Casa, na pessoa do deputado Othelino Neto, que se mostrou solidário à nossa causa. Estamos buscando apoio da Assembleia e do Ministério Público, para que se possa resolver a situação dos 1.100 professores que precisam garantir seus direitos, e dos 16.500 alunos que estão fora das salas de aula”.

Ele explicou ainda que os professores querem que seja incorporado o reajuste inflacionário de 6,81% aos seus salários, promoções e outras reivindicações que estão na pauta para serem negociadas com o prefeito, por meio do Sindicato dos Professores de Grajaú. E acrescentou que há, também, a questão do Plano de Cargos, Carreiras e Salários no Estatuto do Magistério que, em prática, foi construído, elaborado e instituído como lei pela Câmara Municipal de Grajaú.

Astro de Ogum promulga 30 novas leis que beneficiam a população ludovicense

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum (PR), promulgou nesta terça-feira, 10, 30 leis cujos projetos haviam sido encaminhados para a sanção do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que tem a opção de sancionar ou devolver à Casa Legislativa para que o chefe do legislativo promulgue com mais celeridade, tornando-os leis a partir do momento da assinatura.

As leis, que já foram publicadas no Diário Oficial do Município (DOM), são originárias de projetos de parlamentares. A lei 490/2018, proposta pelo vereador Gutemberg Araújo (PRTB), por exemplo, dispõe sobre a obrigatoriedade da presença de cirurgião-dentista na equipe multiprofissional dos hospitais do município.

Além desta, consta no relatório das leis promulgadas, a que institui no âmbito do calendário de São Luís, a semana de aniversário do bairro Santa Cruz que gerou norma na capital maranhense por meio da Lei 507/2018 originada do projeto nº 162/201 de autoria também de Gutemberg Araújo (PRTB).

A proposta do vereador Raimundo Penha (PDT), agora transformada na Lei 491/2018, dispõe sobre a garantia de destinação de espaço físico para funcionamento dos Grêmios Estudantis nas escolas da rede pública e privadas de São Luís.

“A propositura visa estabelecer parâmetros para a livre organização dos estudantes em entidades que os representem e para a participação dos estudantes nas instâncias deliberativas acadêmicas das instituições de ensino em consonância com o princípio da gestão democrática”, diz o autor da matéria.

MÚSICA NA PRAÇA

A instituição da criação do programa “Música na Praça” na capital maranhense é objeto da Lei 498/2018, originada de proposta do vereador Osmar Filho (PDT). Segundo justificativa do parlamentar, a proposta legislativa visa democratizar o acesso às manifestações artísticas como a música e valorizar a produção musical na capital, garantindo à população o livre acesso as fontes musicais e ao entretenimento aos bairros, fomentando a cultura local.

Das 30 normas sancionadas por Astro de Ogum, 20% são declarações de utilidade pública, nomes de obras e criação de datas especiais. Entre as novas leis que passaram a vigorar em São Luís, algumas tratam de políticas públicas, programas ou obras que possam ter influência direta na vida dos ludovicenses.

BIBLIOTECA EM ÔNIBUS

Entre as regras sancionadas pelo chefe do legislativo, consta a Lei 499/2018, que dispõe sobre a instituição de biblioteca no interior de ônibus integrante do Sistema de Transporte Coletivo Urbano no âmbito do município de São Luís, que foi originada de proposta do vereador Cezar Bombeiro (PSD).

Os projetos que beneficiam a população em setores como saúde, educação, transporte, infraestrutura, meio ambiente, dentre outras áreas, foram ao Executivo para sanção do prefeito, mas como o chefe do Poder Executivo não o fez dentro do prazo estabelecido pela Lei Orgânica, então cabe ao presidente da Câmara promulgar as medidas que passam a virar regra no ordenamento do município.

A população consultar todas as normas promulgadas pelo parlamento. Para isso, basta acessar o endereço www.camara.slz.br e buscar o sistema “Ementário de Lei Promulgada”, por meio da plataforma digital “Matérias Legislativas” no cabeçalho do site institucional e fazer a pesquisa com base nos arquivos e registros da Secretaria Legislativa da Casa.

Casos de agressão contra a mulher estão sendo acolhidos na Casa da Mulher Brasileira

Com o funcionamento da Casa da Mulher Brasileira em São Luis/MA, elevaram os índices de crimes contra a mulher ou será que agora as mulheres denunciam mais a violência que sofriam ocultamente dentro das suas próprias casas.

As mulheres da região metropolitana contam com uma unidade para realizar as denuncias de violência contra elas, denominada Casa da mulher Brasileira que conta com atendimento humanizado com salas de acolhimento, recepção, abrigo de passagem com alojamentos, brinquedoteca e demais dependências. Atende casos de violência doméstica familiar, casos de estupro, e faz encaminhamento aos órgãos de referência.

A unidade, localizada no Jaracati, reúne diversos órgãos e entidades de referência do Município, Estado, Justiça e Sociedade Civil Organizada. Funciona 24 horas todos os dias.

Portanto Mulheres, denunciem os agressores de qualquer tipo de violência que seja física, psicologica, sexual, patrimonial e moral. Assim que ocorrer o fato encaminhe-se para a unidade da Casa da Mulher Brasileira, assim evitando que chegue ao pior dos casos e acabe em um feminicídio.

 

 

Conheça os tipos de violência contra mulher e denuncie

O que é violência contra a mulher? Você logo imagina socos, tapas e pontapés, ou seja, uma agressão física. Mas a violência vai muito além disso: várias mulheres sofrem todos os dias algum tipo de agressão e nem mesmo se dão conta.
De acordo com a Lei Maria da Penha, há cinco tipos de violência contra a mulher são consideradas crimes e devem ser denunciadas. Veja quais são elas:

Violência Física: Qualquer conduta que ofenda a integridade ou saúde corporal da mulher. São exemplos desse tipo de violência:

  • Tapas, socos e espancamento
  • Atirar objetos, sacudir e apertar os braços
  • Estrangulamento ou sufocamento
  • Lesões com objetos cortantes ou perfurantes
  • Ferimentos causados por queimaduras ou armas de fogo
  • Tortura

Violência Psicológica: Qualquer conduta que cause à mulher dano emocional e diminuição da autoestima ou que lhe prejudique e perturbe o pleno desenvolvimento ou que vise degradar ou controlar suas ações, comportamentos, crenças e decisões. São exemplos desse tipo de violência:

  • Ameaças
  • Perseguição
  • Constrangimento
  • Humilhação
  • Manipulação
  • Isolamento (proibir de sair de casa, estudar e viajar ou de falar com amigos e parentes)
  • Vigilância constante
  • Insultos
  • Chantagem
  • Exploração
  • Limitação do direito de ir e vir
  • Ridicularização
  • Tirar a liberdade de crença

Violência Sexual: Qualquer conduta que obrigue a mulher a presenciar, a manter ou a participar de relação sexual não desejada, mediante intimidação, ameaça, coação ou uso da força. Apesar de ser normalmente associado ao estupro, o termo violência sexual é muito mais amplo e abrange uma série de situações que as mulheres sofrem atualmente, seja com desconhecidos, parentes, namorados ou companheiros. São exemplos da violência sexual:

  • Estupro (inclusive quando ocorre dentro do casamento, quando o marido obriga a esposa a ter relações sexuais)
  • Obrigar a mulher a fazer atos sexuais que causam desconforto ou repulsa (fetiches)
  • Impedir o uso de anticoncepcionais ou forçar a mulher a abortar
  • Forçar matrimônio, gravidez ou prostituição por meio de coação, chantagem, suborno ou manipulação
  • Limitar ou anular o exercício dos direitos sexuais e reprodutivos da mulher
  • Obrigar a mulher a comercializar ou a utilizar, de qualquer modo, a sua sexualidade (exploração sexual)

Violência Patrimonial: Qualquer ação ou conduta que possa configurar retenção, subtração, destruição parcial ou total dos objetos da mulher. São exemplos desse tipo de violência:

  • Furto, extorsão ou dano
  • Controlar o dinheiro
  • Deixar de pagar pensão alimentícia
  • Destruição de documentos pessoais
  • Estelionato
  • Privar de bens, valores ou recursos econômicos
  • Causar danos de propósito a objetos da mulher ou dos quais ela gostes

Violência Moral: Qualquer conduta que configure calúnia, difamação ou injúria. São exemplos desse tipo de violência:

  • Rebaixar a mulher por meio de xingamentos que incidem sobre a sua índole
  • Tentar manchar a reputação da mulher
  • Emitir juízos morais sobre a conduta
  • Fazer críticas mentirosas
  • Expor a vida íntima
  • Distorcer e omitir fatos para pôr em dúvida a memória e sanidade da mulher
  • Afirmar falsamente que a mulher praticou crime que ela não cometeu

Se você sofre ou já sofreu algum destes tipos de violência? Denuncie, pode ligar para a Central de Atendimento à Mulher (ligue 180), ou pelo aplicativo Clique 180. A denúncia é anônima e gratuita, disponível 24 horas, em todo o país. Por meio do telefone, a mulher receberá apoio e orientações sobre os próximos passos para resolver o problema. A denúncia é distribuída para Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) da sua localidade.

Não fique em silêncio! Violência contra a mulher é crime e precisa ser denunciada.