Mulher é presa após aplicar golpes em pessoas com deficiência, em Anajatuba

A Polícia Civil de Anajatuba, interior do Estado, cumpriu um mandado de prisão contra uma mulher, cuja identidade não foi divulgada, suspeita de ter aplicado golpes financeiros em duas pessoas com deficiência. De acordo com a Polícia, os valores chegam a R$ 40 mil.

Após detida, a mulher foi encaminhada para a delegacia local, onde prestou esclarecimentos sobre o caso. Em seguida, ela foi encaminhada para uma unidade prisional da região. Atualmente, está à disposição da Justiça.

Os golpes realizados pela mulher ocorriam quando ela se oferecia para ajudar as vítimas durante movimentações bancárias. Com os cartões e dados bancários em mãos, ela teria realizado diversas transferências de valores para a sua conta e até feito empréstimos nos nomes das vítimas, gerando um prejuízo de milhares de reais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.