O rompimento inevitável entre Weverton e Flávio Dino

Existem coisas que o público não sabe, nem nós meros mortais, mas no off da questão o nome Weverton Rocha é citado com desdenho pelo alto escalão do governo. O senador que teve mais voto que o próprio governador do Maranhão, desde esse período é visto como ameaça a tentativa de perpetuar o legado Dino no Maranhão.

Por mais que oficialmente nem Dino ou Weverton tenham anunciado que não estão amigos como antes eram, o senador gera desconfiança e ameaça todo o projeto do governador. Oras, ele se mostrou uma “máquina de conquistar mentes”, agrada esquerda e direita, não é perseguidor de adversários. Tudo indica que Weverton sabe a forma como é mencionado dentro do carro que o governador faz questão de dirigir sozinho, apenas, raramente com seus amigos como acompanhantes.

O modo diplomático que o senador vem agindo demonstra desde já que ele não irá temer e nem se apoiar na ideia do candidato do governo “Brandão”. O tempo do senador Weverton é agora, ele que não pense que Brandão tem amor por ele ou o consideraria em uma outra eleição para governo ou senado. Até porque a ideia é neutralizar as forças de Rocha. Exemplo clássico a FAMEM: a metade dos prefeitos não colaboram mais com a instituição desde a demonstração de força do senador ao derrotar o candidato de Flávio Dino e elegendo Erlânio Xavier.

Abaixo Weverton responde a uma seguidora afirmando que está nessa jornada, agora os perguntamos qual? Será capacho ou candidato?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *