Arquivo da categoria: Política

Olha aí PF: prefeito de São Domingos recebe quase R$600 mil e população continua disputando carne de boi com os urubus

O prefeito de São Domingos recebeu em março de 2013 do governo federal R$ 583.830 mil para construir um matadouro. Mas acontece que até hoje ninguém viu nenhum matadouro publico. O que viram foi apenas um local imundo que é usado para o abate.

Olhe a foto abaixo, essa imagem causa nojo em quem ver, mas mesmo assim, isso não sensibiliza o empregado do povo:

de

Lá as pessoas estão comendo carne de boi morto em condições imundas. O local onde o gado é abatido é desprovido de higiene. Uma verdadeira imundice. É cercado de urubus que aproveitam para fazer um “lanchinho”

A pergunta que não quer calar, faz mais de 2 anos que o prefeito de São Domingos do Maranhão recebeu quase R$ 600 mil para construir um local decente para o abate do gado, mas até agora não se viu nada, então, o que foi feito deste dinheiro?

Será que a população de São Domingos não merece ser tratada como ser humano? Lá as pessoas estão disputando com os urubus a carne bovina. Enquanto isso, o prefeito recebeu quase R$600 mil e nada fez!

Dinheiro o prefeito recebeu, e muito, mas usar o dinheiro de forma correta não usou. E não há justificativas plausíveis, pois já faz mais de 2 anos que chegou esta verba para a prefeitura de São Domingos.

Virou moda no Maranhão os prefeitos pegarem dinheiro publico e não fazerem o que é devido, colocando a população em situação humilhante. O que ta acontecendo em São Domingo é uma afronta a saúde publica, uma afronta aos direitos humanos, um delito.

Informação dada. Agora é esperar que a polícia federal entre na cola desse cidadão, e que ele esclareça ao desavisado eleitor e contribuinte o que fez com esse dinheiro todo.
image

Veja a situação

Deputado arrudiado de gays e blogueiro aplica na boate Crystal

O Deputado que perdeu a noiva para um cantor sertanejo agora só vive muitíssimo bem acompanhado em boates e casas de garotas de programa em São Luis. A sua última aparição foi na boate Crystal em uma mesa lotada de homossexuais. Detalhe: todos assumidos! O que não faltava eram os rios de dinheiro.

sss1

Enquanto isso, naquela mesma noite, um jornalista e blogueiro, que é o mais novo solteiro do pedaço, se esbaldava nos braços de uma “mulher da vida“. Acontece que depois de todas as bebidas e “comidas”, o cabra percebeu que a fonte secou. Estava mais liso que quiabo. O banco M.V havia falido.

Pra não lavar pratos, roupas, lençóis e calcinhas, o jeito foi negociar o débito na Crystal e da porcelana que estava com ele. Pelo menos com a gata ele já deu duas parcelas, uma de R$100 e uma de R$200.

Pense numa situação vexatória!!!

[Vídeo] Em São Domingos do Maranhão, o povo come carne assim:

Desde que o matadouro oficial de São Domingos do Maranhão, foi desativado, o abate do gado é feito em qualquer esquina de rua.

Em São Domingos o gado vem sendo abatido com extrema crueldade e na total falta de higiene. O pior de tudo é que não existe nenhum tipo de fiscalização .

de

O sofrimento desse animais durante o abate é ouvido nas regiões próximas ao matadouro clandestino. O odor também é notado a distância.

Naquele lugar não há respeito algum aos diretos dos animais, pois são tratados de forma degradante e cruel. Passam fome, e comem até mesmo as próprias fezes.

Com uma condição de extrema imundice, a carne deste animal torna-se perigosa ao consumo humano, podendo transmitir uma espécie de verme que leva aquele que a ingere à morte.

Infelizmente mesmo esse problema sendo denunciado as autoridades competentes, os responsáveis por tais barbaridades apenas serão notificados ou multados. No Brasil as leis ainda são deficientes ao se tratarem da proteção aos direitos dos animais.

Esse caso já foi uma vez denunciado as autoridades, mas por algum tipo de “interferência” o local não foi fechado.

O dinheiro para a construção de um matadouro já foi liberado para o município de São Domingos, mas até hoje não se tem a real aplicação deste recurso.

Assessora propineira assume o controle de obras em Grajau

Simone Limeira, a “toda poderosa”, de Flavio Dino, é quem manda e desmanda na cidade de Igrajau.

j

Enquanto o prefeito dessa cidade fica com a língua “socada”, Simoninha dita as regras.

Foi ela quem escolheu a construtora que realiza a obra do Mais asfalto na cidade. Foi ela quem se apoderou do microfone de Flávio Dino e mandou bala no palanque.

image29-640x640

Aliais foi ela quem se apoderou dos olhares gulosos do governador e ainda ficou com o apito do índio, ganhando uma propina mísera de R$ 8 mil. Quem pode, pode, quem não pode se sacode