Buscas por suposto cadáver de Lorena Luiza segue sem êxito; 4 meses sem solução

O sumiço da adolescente Lorena Luiza Furtado já repercutiu até na Assembléia Legislativa, contudo, as autoridades policias ainda não deram um desfecho para o caso. O paradeiro de Lorena ou de seus restos mortais seguem sem pistas, sem paradeiro. 

A jovem sumiu desde o dia 07 de maio, foi vista pela última vez na companhia de uma amiga, após sair do Arena Vip, na Estrada de Ribamar, desde então, tudo que as autoridades possuem são depoimentos contraditórios e suposições, nada comprovado de fato.

Na manhã de hoje (29), a Polícia Civil realizou uma busca cadavérica na Vila Maranhão, na região Itaquibacanga. Contudo, nada foi encontrado. De acordo com informações, um pedido de prisão preventiva foi decretado em desfavor de um dos possíveis envolvidos, que segue em segredo de Justiça.

Enquanto isso o pai de Lorena e a mãe encontram-se com problemas de saúde adquiridos por conta da grande tensão que estão vivendo sem conseguirem informações que os levem até a filha.

Em julho a mãe de Lorena recebeu uma ligação de uma pessoa anônima avisando que teria um vídeo que registrava a morte da garota, descreveu a cena como chocante e cruel. Falou que a menina foi atraída para uma “casinha” e logo em seguida, morta com requintes de crueldade. Contudo, quando confrontada, essa mesma pessoa afirmou que não possuía mais o vídeo em mãos.

Hoje (29) seria um dia de festa para os familiares de Lorena Luiza, pois a jovem estaria completando 17 anos. Lorena tem um filho menor de 1 ano que sente falta da mãe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *