Rigo Teles recebe prefeito Roni de Mirador e comitiva em seu gabinete e segue acompanhando prefeito

Foi entregue na tarde desta segunda-feira (23) pelo Governador Flávio Dino e o secretário de Agricultura Familiar Adelmo Soares e o deputado Rigo Teles, um trator totalmente equipado, dez kits de irrigação, kits que darão um novo horizonte à agricultura familiar, uma grande iniciativa que ajudará os agricultores a terem a sua própria renda e para melhor atender a população de Mirador.

O Prefeito Rony, Governador Flavio Dino, o deputado Rigo Teles e presidente da FAMEM Prefeito Tema estiveram presentes na entrega dos kits juntamente com a Primeira Dama, Leocy, Vice-Prefeita Domingas Cabral, Ex-Prefeito Pedro do Abraão o Secretário de Agricultura do Município Nelson Gomes, Secretária de Assistência Social Aparecida Sá, Secretária de Saúde Maria Aparecida, Vereadores Arquimedes Amorim, Abraão, Geraldo Sá Filho, Margarida Gomes Cabral e juntos firmaram o compromisso de ajudar nesse projeto de irrigação, dando total suporte aos agricultores contemplados do Município de Mirador.

Melhorar a produtividade do agricultor familiar é a missão do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura Familiar (SAF), ao distribuir kits de irrigação para os municípios.

“O kit de irrigação representa uma valorização do agricultor familiar, pois ele terá mais autonomia com a sua produção.”

Para o Deputado Rigo Teles, o agricultor familiar é a garantia de uma alimentação saudável e segura na mesa dos maranhenses.

“O agricultor familiar deve ser cada vez mais incentivado e o Governo do Estado busca levar isso até ele, incentivo por meio do conhecimento e da produção para que ele possa produzir mais, tanto para o seu sustento como para sua fonte de renda”, disse

Um comentário sobre “Rigo Teles recebe prefeito Roni de Mirador e comitiva em seu gabinete e segue acompanhando prefeito

  1. O advogado Diego Bandeira Rêgo entrou com uma ação popular contra o reajuste dos subsídios de vereadores e perfeito de Mirador. O salário do prefeito foi de 14 para 18 mil reais (maior que o do governador do estado). Mas, devido à ação judicial nº 10462016, movida na comarca de Mirador, o aumento do subsídios foi suspenso e o reajuste não será dado nem a prefeito, nem a vereadores.

    Se o país passa por crise, os políticos também devem fazer sacrifícios. Acredito que o prefeito pode fazer o sacrifício de viver “só com 14 mil por mês”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *