Petkovic impedia que os jogadores do Sampaio orassem antes das partidas

A série de derrotas acumuladas e a perda do título culminaram na demissão do ex-técnico do Sampaio, Petkovic.  Em seu lugar assumiu, Arlindo Maracanã.

image

O afastamento do técnico ocorreu na quinta-feira, um dia depois de perder o campeonato para o Moto Club.

Apesar de uma curta passagem pelo time, com 13 partidas oficiais, o ex-técnico causou vários polêmicas dentro do Sampaio Corrêa fazendo mudanças radicais.

Os jogadores desabafaram que durante todos os jogos era tradição a realização de um culto de orações entre os atletas, mas no comando de Pet a prática foi suspensa. De acordo com ele, ele alegou não ser contra a prática religiosa mais que exige que seus atletas se concentrem apenas no jogo antes da partida.

Por serem subordinados, os jogadores deixaram de fazer as orações mesmo após 4 anos tendo a prático. Agora ao comando de Arlindo, houve uma reunião com a diretoria para que o foco na série B fosse retomado e as antigas práticas também! Que coisa….

Um comentário sobre “Petkovic impedia que os jogadores do Sampaio orassem antes das partidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *